sexta-feira, 9 de abril de 2010

Centro de Atendimento e Animação Socio-Cultural

Abriu um mini Centro de Atendimento/Acompanhamento e Animação para Pessoas com Deficiência (CAAAPD)em Alfândega da Fé, numa parceria entre a LEQUE e o Munícipio.
O CAAAPD é uma resposta social, destinada a informar, orientar e apoiar as pessoas com necessidades especiais, promovendo o desenvolvimento das competências necessárias à resolução dos seus próprios problemas, bem como actividades de animação sócio-cultural.
Duas voluntárias da LEQUE estão a dinamizar actividades na Biblioteca Municipal, às quartas-feiras para crianças e jovens com NE do concelho.

Esta resposta social colmatará uma das maiores carências das famílias e das crianças com NE do distrito: A dinamização de actividades de ocupação de tempos livres e actividades de lazer adequadas às pessoas com limitações. Por outro lado, dará às famílias a oportunidade de poderem ter algum tempo para si próprias, o que até aqui não era possível, por não terem onde e com quem deixar a cargo a sua criança/jovem.

Mais um passo neste longo caminho...

10 comentários:

  1. A minha filha gosta muito de lá ir. Só acho que devia ser mais tempo.

    ResponderEliminar
  2. Às duas meninas Neuza e Patrícia muitos parabéns pelo excelente trabalho. Valeu a aposta. Agradeço em nome das famílias, com as quais tenho falado. Está a ser um sucesso.
    Continuem assim...

    ResponderEliminar
  3. A mim sempre me disseram que estes pequenos tinham alguma coisa de especial. De facto é verdade, não só a nível físico mas sobretudo no seu interior.
    Desde que estou no centro já aprendi imensa coisa com eles. Nas situações mais comuns, eles revelam uma humanidade, uma boa vontade..., que hoje infelizmente não é muito comum.
    São diferentes, são sim senhor...
    São especiais, São sim senhor...
    São pessoas, muito pessoas.

    bjs. Neuza (dinamizadora no CAAPD).

    ResponderEliminar
  4. Em relacção a esta experiência profissional,está-se a tornar muito gratificante para mim e vai enriquecer a vários níveis,tanto para mim, como para estes jovens especiais que precisam do nosso carinho e atenção.
    Sempre que me levanto de manhã " principalmente às quartas-feiras", sinto-me um nervoso miudinho , isto porque,"Será que o grupo de jovens virá?", "Será que estão a gostar das actividades propostas?" E eu, será que estou à altura?", ... Tem sido um constante questionamento interior e reflexão ao fim do dia.
    Mas sinto que todos os jovens estão a encarar este centro como uma " Escolinha" que não têm.... Onde podem aprender muita coisa, trocar expriências e tornarem-se jovens mais felizes e realizados.

    Patricia (Dinamizadora do CAAPD).

    ResponderEliminar
  5. " Desde que isto esta a funcionar, a Glória tem manifestado interesse de vir para a biblioteca independentemente de haver centro ou não, mas era muito melhor que houvesse sempre assim ela fazia algumas actividades e passava melhor o tempo".

    Pai da Glória

    ResponderEliminar
  6. A mãe da Sara disse:
    "Tenho pena que estas actividades não tenham iniciado há mais tempo. Quando a Sara se apercebe que é dia de vir, chega a um determinado local e quase nem precisa que a encaminhem, vem direitinha à biblioteca. Não tenho de lhe dizer para onde vamos que ela já sabe".

    Mae da Sara

    ResponderEliminar
  7. "A Vania tem dias que nem lhe apetece tomar banho e até mesmo sair da cama. Mas à quarta-feira(dia destinado para o centro de actividades), levanta-se cedo e prepara-se para estar pronta à horinha de ir".
    "Fala muito em casa de tudo que faz no centro com grande entusiasmo".
    "É pena não haver mais vezes durante a semana, ía fazer-lhe muito bem".

    Mãe da Vania

    ResponderEliminar
  8. "A Sónia fica radiante sempre que sabe que é dia de ir para o centro de activiadades"
    "Isto deveria ser todos os dias, até porque a Sónia já frequentou uma instituição onde eles passavam lá o seu dia".

    Mãe da Sónia

    ResponderEliminar
  9. Eu gosto de estar no Centro e gosto de fazer as actividades.


    Cláudia Martins
    (Uma das Participantes)

    ResponderEliminar
  10. Eu gosto muito de ver os meus pais na Formação das Escola De Pais.

    E no Centro gosto de fazer as actividades.

    Vânia Geraldo
    (Uma das Participantes)

    ResponderEliminar